Gás de cozinha sofre uma redução de preço

0
49

O Ministério dos Recursos Minerais e Energia (MIREME) voltou a rever em baixa o preço de combustíveis no mercado, já a partir desta sexta-feira. Gás de cozinha ficou mais barato, a reduzir em mais de três meticais o quilograma. Ou seja, de 61,23 meticais por quilo para 58,18 meticais.

A gasolina mantém o preço actual 64,22 meticais o litro, enquanto o gasóleo (diesel) baixa um metical e vinte centavos, passando a custar 58,96 meticais. O preço de petróleo de iluminação também ficou mais barato, de 48,44 meticais para 45,24 meticais o litro.

O Ministério dos Recursos Minerais e Energia diz que a redução de preços dos combustíveis continua a ser o resultado da dinâmica internacional associada a pandemia da COVID-19, tendo sido registados nos meses de Março e Abril a baixa do preço do barril de petróleo no mercado.

Segundo uma nota enviada à redacção, o MIREME indica que a redução acontece numa altura em que no mercado internacional os preços voltam a conhecer uma tendência de subida contínua em face das medidas de desconfinamento nos mercados Europeu,
Asiático e Americano e os cortes consertados pelos países produtores membros da OPEC.

De acordo com o estabelecido, o cálculo do preço do mês de Junho, foi efectuado com base nas descargas do mês de Maio. Os preços de barril associados a estas descargas são os dos meses de Fevereiro e Março. O preço médio do barril em Fevereiro foi de 55,48 USD/Bbl e em Março 33,75 USD/Bbl.

Por outro lado, a taxa de câmbio teve um impacto negativo. A Taxa de câmbio associada a estes preços foi de 69,00Mt/Lt, tendo sofrida uma depreciação de 1,25 Mt/USD em relação ao mês de Maio. Actualmente a taxa de câmbio está cotada em cerca de 70,16Mt/USD.

A última alteração dos preços de venda ao público dos combustíveis, ocorreu no dia 14 de Maio passado se onde verificou-se uma revisão em baixa dos preços da gasolina e do gasóleo.

Deixar uma resposta